18/03/2012

A vida me ensinou...
A dizer ADEUS às pessoas que AMMO, sem tirá-las do meu coração...
A chorar de saudade sem vergonha de demonstrar...



04/03/2012

A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos...
(Charles Chaplin)



Aí teve aquela cena:
De quando eu fui te dar tchau. (…)
E VOCÊ olhou e me perguntou:
"Não to esquecendo nada?"
E EU quis gritar:
"Tá, tá esquecendo de MIM."
E VOCÊ depois perguntou:
"Não tem nada meu aí?"
E eu quis gritar:
"Tem, tem EU. (…)"





NÃO ME PERCA..


Não me perca de VISTA,
Não deixe que eu desapareça de sua VIDA,
Antes de precisar de mim...
Não deixe que eu vá embora,
Sem antes saber quem sou,
E quais os meus sonhos,
Talvez sejam os mesmos sonhos seus,

Quem sabe... ?

Não me perca de vista nunca,
Tenha saudades de mim...
Não me deixe seguir sozinha esta estrada,
Sem antes saber se gostaria de ir também,
Talvez só eu possa ser pra você...
A esperada chegada,
O tão sonhado caso de AMMOR,
A linda e infinita história...

Deixe-me ficar e esperar por VOCÊ,
Esperar que você me chame,
Que você precise de minha companhia
que você tenha por mim todo o carinho
que tenho por VOCÊ!
Que você de repente descubra
Que está me AMANDO...

E agradeça que meu CORAÇÃO
Tenha ficado sempre ao seu lado,
Te esperando...
E por tudo isso ... Mais uma vez eu te DIGO.

NÃO ME PERCA ..."NUNCA"




Recadinho

"Me ame quando eu menos merecer, pois é
quando eu mais preciso"...

(Provérbio Chinês)



EU sou uma pergunta...
EU sou o que de mim os outros vêem...
EU sou antes, eu sou sempre,
eu sou o quase, eu sou nunca...
E o que me espera é exatamente o INESPERADO...
O que saberás de mim é a sombra da flecha
que se fincou no alvo...
Pois há SEGREDOS que eu não conto nem a mim mesma...
O SILÊNCIO que trago em mim, é a
resposta ao meu MMistério...

MMartha Góes (MMdesigner)




 
     




BRASIL. São Paulo. Mulher de 50 a 60 anos. Português. Inglês. Informática. Internet. Desenhos. Flores e Poemas...



 



 



 

 
Pedaços de Mim!

Eu sou feito de
Sonhos interrompidos
detalhes despercebidos
amores mal resolvidos

Sou feito de
Choros sem ter razão
pessoas no coração
atos por impulsão

Sinto falta de
Lugares que não conheci
experiências que não vivi
momentos que já esqueci

Eu sou
Amor e carinho constante
distraída até o bastante
não paro por instante


Tive noites mal dormidas
perdi pessoas muito queridas
cumpri coisas não-prometidas

Muitas vezes eu
Desisti sem mesmo tentar
pensei em fugir,para não enfrentar
sorri para não chorar

Eu sinto pelas
Coisas que não mudei
amizades que não cultivei
aqueles que eu julguei
coisas que eu falei

Tenho saudade
De pessoas que fui conhecendo
lembranças que fui esquecendo
amigos que acabei perdendo
Mas continuo vivendo e aprendendo...

(Martha Medeiros)
 

VERDADE, a porta da verdade estava aberta, mas só deixava passar meia pessoa de cada vez. Assim não era possível atingir toda a verdade, porque a meia pessoa que entrava só trazia o perfil de meia verdade. E sua segunda metade voltava igualmente com meio perfil. E os meios perfis não coincidiam. Arrebentaram a porta. Derrubaram a porta. Chegaram ao lugar luminoso onde a verdade esplendia seus fogos. Era dividida em metades diferentes uma da outra. Chegou-se a discutir qual a metade mais bela. Nenhuma das duas era totalmente bela. E carecia optar. Cada um optou conforme seu capricho, sua ilusão, sua miopia.
(Carlos Drummond de Andrade)


 
 

Poema

- O que une ela a mim?
O que me une a ela?
Que nome dar a esta força que nos atrai magicamente?
Seria amor? Não!
Não é amor...
Porque só eu amo, ela apenas gosta, admira, tem carinho por mim.
Se ela não me ama por que exige a minha presença?
Se eu não sou amado por que não saio da vida dela?
Seria amizade?
Não!
Não é amizade?
Sinto que faço parte da alma dela, sinto ela participando da minha, amizade é muito pouco para unir duas pessoas assim.
Se não é amor!
Se não é amizade!
O que é?
Que nome dar a esta atração?
Convido os sábios,
os magos,
visionários,
astrólogos e cientistas para me ajudarem definir que sentimento é esse, porque eu confesso que não sei...
A única coisa que realmente sei...
É que sem ela...
Minha vida não tem nenhuma graça...

(Autor Conhecido)

20/03/2010 - 15:52 horas


 


Eu sempre vivi de maneira positiva em todos os aspectos, dificilmente me deixo abater por alguma coisa.
Vivo sempre em função da felicidade, esteja ela onde estiver.
Mas a pouco tempo, algo me chocou tanto, de um jeito tão profundo que chega ser complicado de ser explicado.
A vida nos mostra o quanto somos pequenos pra ter em mãos o nosso destino.
Não nos cabe escolher amar alguém ou deixar de amar, nos cabe apenas aceitar o que nosso coração escolheu viver naquela hora.
Eu posso até estar errado ou então fazendo besteira na minha vida por optar por algo tão longe de minhas mãos.
Mas ninguém pode julgar sem nunca ter amado verdadeiramente...

(Autor Conhecido)

03/12/2009 - 21:44 horas


 


Passei pela tua vida e por mais que tentasse não consegui ficar.
Passei pela tua vida feito um rio,
Que se enamora das margens,
Se apaixona pelo verde,
Enlouquecido de amor luta para ficar,
Mas é levado a força,
Pelas correntezas, pelas cachoeiras.
Passei pela tua vida e nada fizeste para me prender.
Penso até que não me viu passar. Amada...
Se porventura nesta minha breve passagem,
Deixei ficar a semente da saudade,
Se por acaso se vale a pena ainda se arriscar comigo,
Salte também as cachoeiras,
Eu estarei esperando no primeiro e tranquilo lago, Que existir às margens desta vida.
Esqueci de te esquecer e mesmo que me lembrasse eu jamais de esqueceria.
És a minha agonia;
A minha alegria;
A minha poesia.
Se eu falo em te esquecer é só da boca para fora,
Esquecer-te é o meu problema.
És o meu dilema; o meu tema;
O meu poema.
Nada me faz-te esquecer, Não adianta eu mentir,
Sem ti a vida perde valor.
És a minha dor;
A minha cor;
O meu amor...

(Autor Conhecido)

24/11/2009 - 19:17 horas


 


Good bye

Podemos morar em uma casa mais ou menos;
Em uma rua mais ou menos;
Em uma cidade mais ou menos;
Ter um transporte mais ou menos.
O que a gente não pode é...
É amar mais ou menos;
Sonhar mais ou menos;
Namorar mais ou menos;
Ter fé mais ou menos;
Acreditar mais ou menos.
Se não, corremos o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.
Comigo não existem meios-termos.
Comigo é sim ou não.
Segue teu caminho em paz.
Olhando para o horizonte estarei sempre em busca de crescer e de encontrar a paz que estou precisando...

(Autor Conhecido)

07/01/2004 - 11:56 horas


 


O que ficou!

Ficou a saudade e a tristeza;
Ficou o vazio e a solidão;
Ficou a frustação e a dor;
Ficou a lembrança dos momentos felizes;
Ficou o sonho irrealizado;
Ficou a lágrima que não cai;
Ficou o beijo que não me destes;
Ficou a palavra que não ouvistes;
Ficou o desejo não consumado;
Ficou sua imagem inapagável;
Ficou seu lugar em meu coração;
Ficou o ideal de ve-la feliz;
Ficou a infelicidade de eu não poder abraçar-lhe;
Ficou você dentro de min para sempre;
Ficou a sensação de sua ausência;
Ficou a ternura que será sempre sua;
Enfim...ficou um pouco de você para sempre dentro de min...

(Autor Conhecido)

11/10/2003 - 10:24 horas


 


"Meus amigos são todos assim: metade loucura, outra metade santidade. Escolho-os não pela pele, mas pela pupila, que tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. Escolho meus amigos pela cara lavada e pela alma exposta. Não quero só o ombro ou o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos. Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos, nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice. Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto, e velhos, para que nunca tenham pressa. Tenho amigos para saber quem eu sou, pois vendo-os loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que a normalidade é uma ilusão imbecil e estéril" (Fernando Pessoa)

 

Um Anjo para você, Léo!

Para iluminar seu caminho,
para colocar ordem na sua vida,
para você ter sempre a certeza,
de que ele está ao seu lado,
em todos os momentos.

Em qualquer situação,
na sua tristeza e na sua alegria.

E mesmo que você se esqueça dele as vezes,
ele estará sempre do seu lado,
lhe ajudando, lhe dando conselhos,
lhe conduzindo na sua estrada,
as vezes triste, as vezes alegre.

Ele sempre vai dar o melhor de si,
para lhe ajudar, e em troca disso,
ele só quer que você saiba dele,
que acredite nele.

Não precisa saber o nome do seu anjo,
basta lembrar dele como uma luz,
a iluminar o seu caminho.

E você pode ter certeza de que ele é assim,
uma imensa luz, que não se apaga nunca,
que não fica fraca,
que jamais perde sua força e seu brilho.

Um lindo anjo para você...
Que você possa contar com ele,
Sempre....Sempre...


(Autor desconhecido)

 

VERDADE, a porta da verdade estava aberta, mas só deixava passar meia pessoa de cada vez. Assim não era possível atingir toda a verdade, porque a meia pessoa que entrava só trazia o perfil de meia verdade. E sua segunda metade voltava igualmente com meio perfil. E os meios perfis não coincidiam. Arrebentaram a porta. Derrubaram a porta. Chegaram ao lugar luminoso onde a verdade esplendia seus fogos. Era dividida em metades diferentes uma da outra. Chegou-se a discutir qual a metade mais bela. Nenhuma das duas era totalmente bela. E carecia optar. Cada um optou conforme seu capricho, sua ilusão, sua miopia.
(Carlos Drummond de Andrade)

Copyright © 2010 - Todos os direitos reservados. 
Webdesigner MMarthaGóes
Publicado em: 22/03/2005
Visualização 1024 x 768